O AMOR DO MUNDO EM TUAS MÃOS

POETA JOSÉ BATISTA

O AMOR DO MUNDO EM TUAS MÃOS II

Enclausurado nesse abandono

Busquei o verbo em gavetas

Abarrotadas de pensamentos vãos

Redesenhei quadros envelhecidos

Em molduras ancoradas

Nas paredes de minhas lembranças

Mas foi nas imagens virtuais

Compostas das mais longas distâncias

Que encontrei teu sorriso

Guardião do tempo e da palavra

Descobri então que em mim

Nada mais havia o que se buscar

E o que havia em ti depositado

Era suficiente para amar o mundo

E ainda quem sabe

Sobraria um pouco para mim.

POETA JOSÉ BATISTA

ESSE POEMA É PARTE INTEGRANTE DO LIVRO: TUA PAISAGEM ATRAVÉS DA JANELA DE MEUS OLHOS, E TEM TODOS OS DIREITOS RESERVADOS AO AUTOR, E ESTÁ DISPONÍVEL NO LINK: http://www.bookess.com/read/22877-tua-paisagem-através-da-janela-de-meus-olhos

PAIXÃO E ABANDONO